Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mea maxima culpa

por jpt, em 03.02.13

Há quase um ano fiz esta promessa. Tamanho era o feito almejado, eliminar o Manchester City, que no frenesim da antevisão me obriguei: se o Sporting o conseguisse eu iria ao bairro de Namutequeliwa em Nampula, para cortar cabelo e barba a esta barbearia sportinguista (anunciada pelo Beijo-de-mulata).

Mas este comodismo tardoquarentão, aliado a este meu arreigado ateísmo, descrente nos efeitos de transcendências e romarias, vieram ao de cima, retiveram-me. E agora, ano passado, tamanha é a crise que grassa que intervalo o meu descrer, o meu inser. Creio, e sinceramente, que toda o desmando e toda a desgraça virão desta minha falha, mea maxima culpa, desonra, cruelmente castigadas.

Por isso parto amanhã em busca de Namutequeliwa, em busca do futuro, para preservar o passado, o afinal ser.

Viva o Sporting!

Voltarei aqui, cabelo cortado e barba aparada. E com a alma (sim, a alma) lavada. Daqui a uns tempos.

jpt

publicado às 19:30


Bloguistas







Tags

Todos os Assuntos