Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Link Hunter

por jpt, em 08.05.05

Folgo em saber que LNT continua a ler e a comentar o que aqui se cultiva. Se a colheita lhe parece má, paciência.

"Link Hunter" (e talvez por isso não há lá "ligação") é a conclusão de LNT sobre este "súbdito", até cigano, que aqui escreve, procurando a ascensão no sitemeter. Isto tudo a propósito de ter colocado uns textos sobre o sobre o Abrupto.

Eu tenho um grande respeito por José Pacheco Pereira. Já aqui o escrevi há algum tempo: tive muitos bons professores na vida, e lamento não ter aproveitado melhor, imbecilizado na juventude (e se calhar em idades mais maduras assim o continuo). Na minha memória os melhores, os que mais me formaram ou encantaram (contradição de termos) foram Nuno Nabais, Teófilo Barrilaro Ruas, José Pacheco Pereira e José Carlos Gomes da Silva - JPP não se pode lembrar de mim, apanhou-me numa era de muito pouco estudo meu.

Respeito o homem. Depois ao longo da vida gosto de o ouvir sobre política, concorde ou não. Depois não concordo com as críticas que lhe fazem a propósito do Abrupto, e a esse respeito aproveito para escrever sobre algo que me diverte há mais de um ano. Talvez influenciado pelo respeito que lhe tenho, apesar de não lhe apreciar sobremaneira o blog. Talvez.

Sou por isso um "súbdito" - o Paulo Querido diz-nos (a quem saúda o Abrupto) em "genuflexões", palavra mais engraçada, confesso.

Estou portanto a rojar-me (genuflexar-me???) por um "linque", a ver se tenho mais leitores.

Ok. Bom domingo...

publicado às 06:26


5 comentários

Sem imagem de perfil

De jpt a 29.05.2008 às 16:30

Como já lhe tinha dito, nunca deixarei de o ler. Mais porque gosto da escrita do que dos escritos, é certo.
O Link Hunter foi tão somente um link Forget, uma falha da técnica que, aliás, já está corrigida. Como sabe, mesmo depois da caçada às Mambas, já por mais do que uma vez foi referido e linkado no Tugir.
Mas este comentário funciona como se fosse uma rapidinha, porque tenho de ir baptizar um sobrinho (agora dei em Padre). Depois haverá mais.
Sempre a estimá-lo mesmo com esse feitio que Deus lhe deu.
LNT


Publicado por: Luís Novaes Tito às maio 8, 2005 01:22 PM
http://www.tugir.blogspot.com/
Sem imagem de perfil

De jpt a 29.05.2008 às 16:30

Curiosamente, também tive como Professor, JPP. E nessa sua faceta, sinceramente, não o tenho em muito boa conta. Para mim, na altura, foi uma desilusão.
Como político, respeito-o e como bloguer também.


Publicado por: castor às maio 8, 2005 04:39 PM
http://scriptoriumciberico.blogspot.com/
Sem imagem de perfil

De jpt a 29.05.2008 às 16:31

Caro Castor, diferentes opiniões. Que fazer? Ou melhor, ainda bem. Nós (semi)colegas, pelos vistos. LNT não percebo onde vai buscar essa do meu mau feitio. Terei defeitos e características, mas essa não me é aplicável. In ou out-blog, sou, e é quase unânime a opinião, um tipo muito aprazível

Publicado por: jpt às maio 8, 2005 07:53 PM
Sem imagem de perfil

De jpt a 29.05.2008 às 16:31

Caro JPT, o LNT não disse que tinha mau feitio. Se bem o li a frase é: "...com esse feitio que Deus lhe deu." COMPLETAMENTE DIFERENTE. E eu também nunca disse que o JPT tinha mau feitio, o que eu disse algures foi que: "você era terrível". Como vê, não sei onde foi tirar essa ideia. Feitas as contas, creio que essa coisa do mau feitio está apenas na sua cabeça. :) Uma ópima semana para si.


Publicado por: sara monteiro às maio 9, 2005 01:58 AM
Sem imagem de perfil

De jpt a 29.05.2008 às 16:32

Cara Sara Monteiro, uma interpretacao abusiva a minha? Talvez, talvez. Mas estou tao habituado a que louvem o meu feitio que quando o tom é menos laudatório logo me surpreeendo. E, pelos vistos, incompreendo

Publicado por: jpt às maio 9, 2005 11:37 AM

comentar postal



Bloguistas







Tags

Todos os Assuntos