Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



 

 

Hoje mesmo, daqui a bocado, na Kulungwana (na estação dos CFM) acontecerá o lançamento do livro "Arte e Artistas em Moçambique: diferentes gerações e modernidades", obra de Alda Costa, autora que é a "autoridade" (mais do legítima) sobre a história de arte moçambicana. Ali mesmo acontecerá a inauguração de uma exposição da sua colecção particular, "uma colecção, múltiplas conexões". O que é muito interessante, e por duas razões: primeiro para saber (cuscar) o que alguém como Alda Costa mais reclamou para si (dentro das possibilidades aquisitivas, claro) nestas décadas de intensa actividade cultural que vem tendo; e, em segundo lugar, porque poderá ser um passo na realização de outras apresentações de colecções particulares, donas de espólios riquíssimos da arte moçambicana, desconhecida de tantos, até pela exiguidade do disponível em instituições públicas (estatais ou privadas). Espero que funcione como desafio.

publicado às 15:10

Individual de Sílvia de Bragança

por jpt, em 05.10.07

 

Sílvia Bragança no Instituto Camões. O texto de Alda Costa ...

 

publicado às 08:04


Bloguistas




Tags

Todos os Assuntos