Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Lourenço Marques

por jpt, em 19.05.11

Lourenço Marques - I 

 

A loira sul-africana

Logo os flancos movimenta

Mal surge Malangatana

A dançar a marrabenta

 

Depois vê, extasiada,

King-kong, o negro apolo,

Sob a vara incendiada

A um palmo escasso do solo. 

 

E ao chegar Raul Baza

Com um bando de zulus,

Vibrando, à moda de Gaza,

Belos corpos seminus, 

 

A loira sul-africana

Manda às malvas o racismo,

Salta prá pista, com gana,

E dá um viva ao turismo 

 

(António Manuel Couto Viana) 

 

jpt

publicado às 09:49


Bloguistas




Tags

Todos os Assuntos