Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



No feedly (41)

por jpt, em 02.11.15

corn.jpg

 

 

O povoamento da federação da Rodésia e da Niassalândia, no Herdeiro de Aécio.

 

- To fuck, or not to fuck, texto de Eugénio Lisboa no De Rerum Natura.

 

- 4 fotógrafos de Moçambique, no Alexandre Pomar.

 

- Elogio de John Ford, no Escrever é Triste.

 

- Condição humana, o padre António Vieira no Fio de Prumo.

 

- Omar Khayyam, no Antologia do Esquecimento.

 

- "Dois irmãos" de Milton Hatoum" (livro de que muito gostei) em banda desenhada, no Ler BD.

 

- Coisas que não estão em cima da mesa, no A Origem das Espécies.

 

- Sobre a história do século XX em Portugal, no Corta-Fitas.

 

- A rede social Tsu, no Blog da Crítica.

Tags:

publicado às 09:48

No feedly (40)

por jpt, em 20.08.15

eurovision.jpg

O triunfo do populismo audiovisual, no sound vision.

 

Alexandre Pomar é um blog em que cada postal é recomendável. Exemplo? Esta memória de Gilberto Freyre em Lisboa, 1953.

 

Plágio nas universidades, no Muliquela.

 

Sobre "Solaris" de Tarkovski, um pequeno filme (5 minutos), através do O Homem Que Sabia Demasiado.

 

La malédiction de Raspar Capac, vol. 1, um texto sobre a história da produção de Hergé no BandasDesenhadas.

 

As canções no cinema (13), um bela homenagem à actriz Milu no Delito de Opinião.

 

Morre o livro às mãos do twitter, uma escatologia no Escrever é Triste.

 

Quando o PREC chegou às capas da colecção Vampiro, no Herdeiro de Aécio.

 

e

 

Out of the blue: Eurovision winners 1956-2014, uma deliciosa memória da piroseira (ou de história cultural, se se preferir) via Fim de Semana Alucinante.

 

Tags:

publicado às 17:34

No feedly (39): ler blogs hoje

por jpt, em 20.08.15

blog.jpg

 

 

Da escrita mortalizada, um belo texto no Apenas Mais Um sobre a leitura de blogs, agora que eles já são nada moda.

publicado às 00:31

No feedly (38)

por jpt, em 28.07.15

 

queijo.jpg

 

Temos um Papa americano (sobre Obama em África), no Corta-fitas.

 

Está-nos nas tripas, no Espumadamente.

 

Uma bela notícia: Pyongyang: uma viagem à Coreia do Norte, de Guy Deslille, publicado em Portugal, no BD e no Leituras de BD.

 

Moçambique, sobre a exposição apresentada em Lisboa comemorativa dos 40 anos de independência, no Alexandre Pomar

 

Uma palavra de louvor a Paulo Macedo, no Estado Sentido.

 

Groucho e seus irmãos: os palhaços marxistas, no À Pala de Walsh.

 

Direita é rigor (e outras histórias), no A Barriga de Um Arquitecto.

 

Por enquanto (sobre o acordo nuclear com o Irão), no Nada os Dispõe à Acção.

 

O fim da licença de isqueiro, no Herdeiro de Aécio.

 

Marc-Antoine Mathieu (Delcourt), no Ler BD.

 

Os nomes em Moçambique, no Muliquela.

 

Onde é que eu errei?, no Domadora de Camaleões.

 

A importância das adaptações de banda desenhada, no Leituras de BD.

 

A perna é melhor que o braço (sobre "The Great McGinty"), no Escrever é Triste.

 

Ponte da Misarela, no Antologia do Esquecimento

 

NASA admite que a vida na terra pode ter começado no Alentejo, no Bioterra.

Tags:

publicado às 09:29

No feedly (37)

por jpt, em 13.07.15

 

jell.jpg

 

They hired the money, didn't they?, no Herdeiro de Aécio.

 

O último artigo de Pacheco Pereira, no Abrupto.

 

Espaço 1999, a lendária série televisiva, lembrada no Leituras de BD.

 

Ted Benoit, no Por Um Punhado de Imagens.

 

Antes ingénuo do que cínico, no Abencerragem. E Do respeito pelos outros (sobretudo nos maus momentos), no The Cat Scats.

 

Os indomáveis (sobre o processo grego), no Delito de Opinião.

 

Descoberto o fóssil mais antigo do grupo que originou as aves, no Bioterra.

 

Merkel, a Europa. Uma história de amor, no Domadora de Camaleões.

 

Nós, a luz e a visão, no De Rerum Natura.

 

Dali e Harpo (Marx), no O Homem Que Sabia Demasiado.

 

A metro, no A Origem das Espécies.

Tags:

publicado às 20:43

No feedly (36)

por jpt, em 22.06.15

 

fei.jpg

 

LPs malditos: Love you live,no Escrever é Triste.

 

A legião de imbecis que somos todos nós (relativo à boutade de Umberto Eco sobre as redes sociais), no Herdeiro de Aécio.

 

Fury, de Fritz Lang, no A Dignidade da Diferença.

 

Moira Forjaz, no Alexandre Pomar.

 

Alto Bairro, Bairro Alto (sobre o recente filme de Rui Simões), no sound + vision.

 

Quem reconstruiu o castelo de Leiria?, no A Busca pela Sabedoria.

 

O Fantasma (The Phantom), no Leituras de BD.

 

Joaquim Chissano entrevistado sobre o processo de independência, no Moçambique para Todos.

 

Buster Keaton, no Escrever é Triste.

 

O isolamento de Atenas, no Fragmentário.

Tags:

publicado às 17:05

No feedly (35)

por jpt, em 06.06.15

quei.jpg

 

Moçambique 40 anos 4 fotógrafos, no Alexandre Pomar.

 

A (última) carta de Virginia Woolf, no O Homem que Sabia Demasiado.

 

O Acordo Ortográfico e sua ideologia, ditos no Abencerragem.

 

A (já longa) série de textos agregados sob o título "Grécia Antiga" no Delito de Opinião, cruel iniciativa de Pedro Correia lembrando o vácuo patois dos opinadores portugueses dedicados ao estado da arte europeia. Imperdível.

 

Sobre isto do blogar, no Depressão Colectiva.

 

Bravura, no Ana de Amsterdam.

 

Tolerância é inteligência, pois "A pior coisa que uma pessoa pode fazer pela sua postura, é entregá-la empacotada como um julgamento moral", no Cantar das Miríades.

 

e

 

O corpo barroco de Orson Welles, uma hora de conversa com Lauro António sobre o cineasta, no À Pala de Walsh.

publicado às 18:06

No feedly (34)

por jpt, em 30.05.15

donuts.jpg

 

- A apresentação de "Nau Negra" de Fernando Relvas, enquanto não é publicado o livro, no Divulgando Banda Desenhada

 

- Irracionalismo: uma muito interessante reflexão sobre "Uma arquitectura diligentemente empenhada em oferecer ao visitante o êxtase perante a sua própria obesidade.", no A Barriga de um Arquitecto.

 

- Afurika monogatari (1980), de Susumu Hani e Simon Trevor, no À Pala de Walsh: a fazer(-me) conhecer Hani, cineasta japonês.

 

- Luz e Som, um delicioso texto sobre a nossa visão e a nossa audição, no De Rerum Natura.

 

- Atul Gawande: uma ciência com sentido: excerto de uma poderosa reflexão sobre o envelhecimento, no A Dignidade da Diferença: " ...A nossa relutância em analisar honestamente a experiência do envelhecimento e morte agravou o mal que infligimos às pessoas e negou-lhes os confortos básicos de que mais necessitam ..."

 

- The Shooting: viagem ao coração da noite, (Monte Hellman, 1966), um belo texto sobre o filme e sobre o universo western, no À Pala de Walsh.

 

- Eugénio Lisboa Contra o Acordo Ortográfico, no Provas de Contacto.

 

- Populismo Cultural, no O Fragmentário.

 

- Irrelevâncias 6, sobre o hábito de publicar livros de discursos presidenciais, no Herdeiro de Aécio.

 

 

Surviving an Alcoholic, sobre a viuvez no New York Times.

publicado às 10:29

No feedly (33)

por jpt, em 21.05.15

taxi.jpg

 

- "Tufo: património cultural de Moçambique", no Buala. Um texto algo ligeiro mas interessante de Hélio Nguane sobre a dança moçambicana. Abordando, acriticamente, essa deriva actual, a da "patrimonialização" (via UNESCO) das expressões culturais, o arremedo folclorista dos dias d'hoje - que em Portugal tão bem conhecemos, do fado aos chocalhos, para não falar do inenarrável episódio do "cante" alentejano ("canto", em português padrão).

 

- A taxa única dos taxis no aeroporto de Lisboa, no A Origem das Espécies.

 

- Je suis Vilhena, no Book Loving Girls.

 

- O país dos outros, Rui Knopfli editado em castelhano, no Da Literatura.

 

- "Eu não faço parte do grupinho ACAB (All Cops are Bastards). Criticar a atitude daquele polícia e desejar que seja exemplarmente castigado não é colocar em causa a PSP – é defendê-la.", sobre o espancamento de Guimarães, no Bitaites.

 

- Pior era impossível, sobre os custos do marketing (eleitoralista?) da Câmara Municipal de Lisboa e da Polícia nas comemorações da vitória benfiquista, no Blasfémias.

 

- 1776: the revolt against austerity, on New York Review of Books Blog.

 

- Sobre a visão da ciência de Mariano Gago, no jornal i via De Rerum Natura. Não é para agora, só para daqui a alguns anos: Gago foi muito importante na concepção nacional da investigação, e nisso ímpar agente de desenvolvimento do país. E foi também ministro conivente com o "socialismo" craxiano que devastou o desenvolvimento do país. Como - daqui a uns anos - iremos olhar para a sua obra, se vista de modo abrangente? (Já agora: faz hoje seis meses que Sócrates está detido, esse que em pleno conselho de ministros gozava, primus inter pares, com as acusações à sua "licenciatura", dizia quem lá se sentava).

 

- O arquitecto do Café Majestic, no A Cidade Surpreendente, blog dedicado ao Porto, cidade de que ando a aprender a gostar.

 

- Who's afraid of african democracy?, no New York Review of Books Blog.

publicado às 21:50

No feedly (32)

por jpt, em 16.05.15

azei.jpg

 

- Moi, René Tardi, prisionner de guerre au Stalag II B, de Jacques Tardi, no Ler BD.

 

- O compromisso/um conto com José Craveirinha, no Raposas a Sul.

 

- No jardim da filosofia, uma imperdível colecção de entrevistas no Blog da Crítica.

 

- A corrida ao ouro no século XXI, no Herdeiro de Aécio.

 

- Com a ortografia eu não brinco, no Delito de Opinião.

 

- Excelente António Guerreiro (no "Público") sobre Marcelo Rebelo de Sousa et al, transcrito no O País do Burro.

 

- Pancho Guedes nunca foi ao Japão, no Mar me Quer.

 

- Streaming, no Antologia do Esquecimento.

 

- Sem mutantes nem conservantes: a banda desenhada e o diálogo intercultural, no Buala.

 

- Da comédia ao filme épico histórico, no O Homem Que Sabia Demasiado.

 

- Sem notícias, sem uma explicação - o caos na RTP Internacional, no Delito de Opinião.

 

 

 

 

Tags:

publicado às 01:58

No feedly (31)

por jpt, em 11.04.15

peixe.jpg

 

 

Conversas inéditas de Manoel de Oliveira (com Augusto M. Seabra), no Escrever é Triste - uma entrevista ao cineasta, com um quarto de século, e mais do que recomendável.

 

Uma visão de Asterix (e funciona), no Leituras de BD.

 

Descompasso, excelente texto no Antologia do Esquecimento (e não só por lembrar Ruy Duarte de Carvalho).

 

Broqueio, no Urso do Relvas.

 

Brontosaurus Rising, com um elogio dos paleontólogos portugueses que comprovam agora a exisência do agora chamado Apatosaurus excelsus, no The New Yorker.

 

Escrever é difícil, a vida também, no A Terceira Noite.

 

Charlotte Rampling, no Herdeiro de Aécio.

 

Do ir e parar, no Apenas Mais Um.

 

O derrube da estátua de Cecil Rhodes, no The Guardian.

publicado às 16:50

No feedly (30)

por jpt, em 02.04.15

cha.jpg

 

Falta-me extremamente a paciência para esta conversa do Agualusa, no Abencerragem.

 

Zwi Migdal, a mafia judia, no Herdeiro de Aécio.

 

"Será que ainda é possível a poesia num mundo completamente secularizado?", no Antologia do Esquecimento.

 

As 10 melhores BDs que li em 2014 - I, e as As 10 melhores BDs que li em 2014 - II, no Por um Punhado de Imagens.

 

Outras Literaturas: Próximo Futuro 2015, um encontro na Gulbenkian em 15 de Maio, no Ler BD.

 

Orgasmos e literatura histérica, no Bitaites.

Tags:

publicado às 09:59

No feedly (29)

por jpt, em 25.03.15

pmenta.jpg

 

 

O bloguismo, no A Barbearia do Senhor Luís.

 

Botswana Democracy, no Anthropology News (um texto de Pnina Werbner)

 

Shakespeare in Tehran, de Stephen Greenblatt, no The New York Review of Books.

 

Tolstoy replays history, de Andrei Zorin, no The Times Literary Supplement.

 

O centenário da revista Orpheu, no Ainda que os Amantes se Percam.

 

Valores às avessas, os dos socialistas portugueses, no Corta-Fitas.

 

Morreu Herberto Helder, no Escrever é Triste.

Tags:

publicado às 01:30

No feedly (28)

por jpt, em 22.03.15

sardinhas.jpg

 

Da coragem, no Abencerragem.

Manual ..., no Depressão Colectiva.

O primeiro passeio no espaço, no Herdeiro de Aécio.

Cervantes, no The Cat Scats.

Mesas de Lisboa, no Ponto Come.

Do Sahara à Amazónia, no Bioterra.

Foi Assim a Guerra das Trincheiras, no Leituras de BD. Também referido no Por um Punhado de Imagens.

Tags:

publicado às 11:45

No feedly (27)

por jpt, em 22.03.15

cantina1.jpg

 

Os anjos são como a revolução, vêm de bicicleta, imperdível no Escrever é Triste.

 

Wanderers, de Erik Wernquist, um belíssimo filme, via Bitaites.

 

A Lisboa de hoje e de amanhã, de António Lopes Ribeiro, um belíssimo filme, via Corta-Fitas.

 

Antigas observações de outros "observadores", no Herdeiro de Aécio.

 

Postal de um dia na estrada, um passeio por Portugal no Aventar.

 

Ser livre, no The Cat Scats.

publicado às 11:40


Bloguistas




Tags

Todos os Assuntos